2011/11/04

Vote nas Cataratas


Que as Cataratas do Iguaçu são umas das maiores belezas naturais da América do Sul, quiçá a maior, isso já sabemos. Mas agora ela poderá ser eleita uma das 7 Maravilhas da Natureza. A campanha foi criada por um comitê de instituições brasileiras e argentinas que apoiam as Cataratas do Iguaçu, constituída por entidades como prefeituras, fundações e institutos da região da fronteira.

(Foto: Joelison Freitas)

A eleição das 7 Maravilhas da Natureza tem os mesmos moldes das Novas 7 Maravilhas do Mundo, que elegeu o Cristo Redentor como uma delas em 2007. Ela é promovida pela New 7 Wonders of Nature, entidade suíça que tem como objetivo a conservação de grandes patrimônios naturais ao redor do mundo. Primeiramente foram 440 lugares de 220 países, e após uma seleção inicial restaram 28, entre elas as Cataratas do Iguaçu.

No intuito de divulgar a campanha, na última sexta-feira pela manhã o alpinista Waldemar Niclevicz realizou uma travessia de tirolesa sobre uma das quedas mais impressionantes, a Garganta do Diabo. Foram cerca de 30 minutos para atravessar os 155 metros que separam a Argentina do Brasil, a uma altura de 80 metros.

(Foto: Agência de Notícias Gazeta do Povo/AE)

Waldemar Niclevicz é nascido em Foz do Iguaçu e foi o primeiro brasileiro a chegar ao topo do Monte Everest e único a escalar o K2, considerado o mais difícil do mundo. O alpinista paranaense já havia feito a façanha de hoje em 2001, só que desta vez tinha o objetivo de divulgar a campanha Vote nas Cataratas.


As votações vão até o dia 11 de novembro, ou seja, esta é a última semana para elegermos essa beleza, que são as Cataratas do Iguaçu, como uma das 7 Maravilhas da Natureza. Já que os sete eleitos não terão ordem de importância, você pode escolher seus sete candidatos, então vote também na Amazônia, que é outro brasileiro na disputa. 

Você pode votar pelo site da entidade que promove a eleição, o New 7 Wonders of Nature, ou também pelo site da campanha, o Vote Cataratas. Confira o teaser da campanha.








Nenhum comentário:

Postar um comentário