2011/11/01

Mortos mais importantes de 2011


Seja no terrorismo, na música, na tecnologia ou na política, uns foram tarde, e outros cedo demais.


Pensei em fazer um top five das personalidades mais importantes que nos deixaram, mas sabendo que iria gerar controvérsias as listei por ordem de tempo. Então vamos a elas:

 José Alencar

Em 29 de março morria o empresário e político brasileiro José Alencar Gomes da Silva. José Alencar foi senador pelo estado de Minas Gerais, Ministro da Defesa no primeiro mandato do governo Lula e em seu último cargo político foi vice-presidente do Brasil desde 2003 até 2010, sendo que de 2004 a 2006 deixou o cargo para assumir o Ministério da Defesa.

Apesar de grande representatividade no cenário político nacional, José Alencar ficou popularmente conhecido pelo fato de ter lutado incessantemente durante 10 anos contra um câncer. Doença esta que lhe obrigou a se ausentar por várias vezes dos cargos que ocupou, até fazê-lo desistir da candidatura ao senado em 2010.

Depois de passar por várias intervenções cirúrgicas frustradas e até se sujeitar a tratamentos experimentais nos Estados Unidos, ao fim de março deste ano, enquanto internado na UTI do hospital Sírio-Libanês, José Alencar morre aos 79 anos por falência múltipla dos órgãos.


Osama Bin Laden

Em 2 de maio de 2011 morreu o terrorista e fundador do grupo terrorista Al-Qaeda, até então, o criminoso mais procurado do mundo. O responsável pelos ataques aos Estados Unidos em 2001 estava escondido próximo a uma região militar na cidade de Abbottabad, no Paquistão.

Desde 1994 as equipes antiterroristas de todo o mundo vêm tentando capturar Bin Laden. Mas foi apenas em 2011 que as tropas americanas conseguiram localizar o terrorista. A Operação Lança de Netuno, como foi chamada pelos agentes americanos, teve seu início após a descoberta do paradeiro de Osama, por meio de mensageiros do próprio terrorista. Após a ordem positiva do presidente Barack Obama os agentes paramilitares da CIA invadiram a mansão milionária construída em 2005. A invasão foi realizada com helicópteros de um grupo naval americano, duas equipes de com doze agentes cada e ainda com a ajuda de um cão farejador de explosivos.

A morte de Osama gerou discussão na comunidade mundial pois muitos acreditaram que era uma farsa, desmentida após a própria Al-Qaeda ter reconhecido a morte de seu líder, e também prometido vingança aos americanos.


Amy Winehouse

A carreira meteórica e conturbada de Amy Winehouse começou em 2003 e terminou no dia 23 de julho deste ano. A cantora e compositora britânica ficou mundialmente conhecida em 2006, após ter lançado o álbum Back to Black, que chegara ao topo das paradas americana e britânica.

Amy sempre teve problemas com drogas e a bebida alcoólica e teve sua breve carreira marcada por vários escândalos. Ela usou a música para contar sua trajetória com os narcóticos, e a canção Rehab ficou famosa por isso, e fez a cantora a vencer vários prêmios da música mundial.

Resultados recentes comprovaram que a cantora morreu pelo uso abusivo de álcool, e não foi descoberta nenhuma outra substância no organismo de Amy no momento de sua morte. Ela foi encontrada morta em sua casa em Londres, e seguindo as tradições judaicas Amy Winehouse foi cremada três dias após a morte. Amy tinha apenas 27 anos de idade, o que deixou seus fãs tristes e frustrados, pois a britânica ainda teria muito sucesso a fazer.


Steve Jobs

Um dos maiores magnatas americanos no ramo da tecnologia e informática, Steven Paul Jobs deixou um legado importante para o planeta. Ele revolucionou o mundo por completo com a criação de plataformas digitais que hoje em dia são indispensáveis na vida do ser humano.

Jobs foi o cofundador da Apple, empresa da qual se demitiu em 1984, por causa de disputas internas com a mesa diretora. Após isso Jobs fundou a NeXT, que seria comprada pela própria Apple em 1996, o trazendo de volta para a empresa que ajudou a fundar. Jobs ainda foi diretor executivo da Pixar, empresa que revolucionou o cinema de animação e, foi comprada pela Disney em 2006, o tornando acionista individual máximo da The Walt Disney Company.

Steve Jobs anunciou no início de 2011 que deixaria o cargo de CEO da Apple por motivos de saúde, e nos deixou no dia 5 de outubro, poucos dias após o lançamento da nova versão de uma de suas mais populares invenções, o iPhone. Jobs morreu por complicações de um câncer pancreático, pelo qual lutava contra desde 2004.


Muammar Kadhafi

Muammar Abu Minyar al-Kadhafii é o nome completo do ex-ditador líbio que no início deste ano vinha sofrendo pressão da população e de grupos contrários ao seu estilo de governo para deixar seu posto. Kadhafi respondeu aos protestos com violência, fazendo eclodir na Líbia uma intensa guerra civil.

Acusado de cometer crimes contra a humanidade, em agosto de 2011, Kadhafi viu as tropas do Conselho Nacional de Transição, com o apoio da OTAN, invadirem a capital Trípoli fazendo com que ele e seus aliados fugissem deixando o governo nas mãos do CNT. Kadhafi fugiu para sua cidade natal, Sirte, que seria atacada pelas forças opositoras no dia 20 de outubro.

E no mesmo dia Kadhafi foi morto com tiros no peito e na cabeça. Este vídeo exibido pelo canal de TV árabe Al Jazeera mostra o momento em que os rebeldes carregavam o corpo do ex-ditador ainda vivo como se fosse um troféu. O ex-ditador líbio morreu aos 69 anos.


Bom, se eu esqueci alguém importante comentem ai, porque eu não quero nenhuma alma penada me puxando os pés depois. Então, que venha 2012 e os novos RIP’s VIP’s.







Um comentário:

  1. Hehehe... Mas quanto ao Bin Laden sou igual ao São Tomé, só acredito vendo..hehehe

    ResponderExcluir