2011/05/11

Tempo pra mim!


     Baseado nas postagens do Blog Reticências, da minha amiga , resolvi falar de uma situação que eu presenciei hoje pela manhã, quando vi dois garotos brincando de "Polícia e Ladrão" na rua.

     Em função da paralização das escolas públicas, hoje as crianças tiveram a manhã livre para brincar, e quando eu voltava do campus passei ao lado do campo de "batalha" deles, e não pudi deixar de lembrar da minha infância, daquelas tardes na rua da minha vó, quando se reunia toda criançada da rua e brincavamos de "Polícia e Ladrão", como era bom.

     E no verão então, que tinhamos reforço das "bolinhas" de cinamomo, juntavamos alguns pedaçoes de cano velho, e compravamos um pacote de balão (bexiga de ar) e com isso se confeccionava os chamados trabucos da cidade, sim, porque "lá fora" se usavam os trabucos tradicionais, feitos de taquara. Ignorava-se os vergões pelo corpo - originados pelos tirambaços de cinamomo - ao menos que a mãe visse, aí a surra vinha mesmo.

     Mas então, hoje quando passei pelos "piazinhos" brincando na rua me deu aquela vontade de largar a mochila na calçada, pegar um pedaço de madeira e ir brincar com eles. Quando eu passava foi o momento do "tempo", lembram? Quando um dos lados da guerrilha se sentia mais vulnerável pelo posicionamento, aí se gritava aquela frase conhecida "Eu to em tempo!", quando ela é entoada tudo se pára, não importa o que esteja acontecendo, pára tudo e começam as negociações, e para voltar ao jogo se dizia "destempo".

     É uma pena que eu "não estou mais em tempo" - de pegar minha arminha de cano, que até mira tinha - e entrar na brincadeira, mas que dá saudade, isso dá.



3 comentários:

  1. Hehehe...muito brinquei de policia e ladrão, muito gritei "TEEEMPPOOOO"...só não me arrisquei com a tal arminha, já que as meninas eram minoria em relação aos meninos (2 gurias pra 10 guri..) imagina o gritedo na rua nos finais de semana... Saudade...
    Ainda bem que tenho meus primos pequenos pra poder voltar a infancia e brincar muito sem vergonha alguma...
    Coisa boa brincar!!!!

    ResponderExcluir
  2. hehehe Fê, mas a arminha que eu me refiro, é de madeira, cano e afins, não de pressão. E pra 'matar' o oponente tu tinha que gritar "Pa pa pa, Fulano ta morto", não precisava se arriscar, a não ser com o trabuco akele, ai saia gente chorando até hsuahsuahs

    ResponderExcluir